Santuário de Fátima promove encontro de hoteleiros e casas religiosas que acolhem peregrinos

Santuário de Fátima promove encontro de hoteleiros e casas religiosas que acolhem peregrinos

Iniciativa está agendada para o próximo dia 6 de fevereiro, no Salão do Bom Pastor, no Centro Pastoral de Paulo VI

O Santuário de Fátima vai promover no próximo dia 6 de fevereiro, o 42º Encontro de Hoteleiros e responsáveis de Casas Religiosas que Acolhem Peregrinos em Fátima. 

O evento começa com uma celebração, na Capela da Morte de Jesus, pelas 16h30. Pelas 17h45, no Salão do Bom Pastor, no Centro Pastoral de Paulo VI, haverá uma saudação e a apresentação do tema do Ano Pastoral 2019-2020, “Tempo de Graça e Misericórdia: dar graças por viver em Deus”, o último do primeiro ciclo pós -centenário das Aparições. 

Em seguida, a Vice-Postuladora da Causa de Beatificação da Ir.ª Lúcia, a Ir.ª Ângela Coelho, falará sobre o Centenário da morte de Santa Jacinta, que se assinala este ano. Neste encontro serão ainda apresentadas as Estatísticas referentes ao ano de 2019.

Em 2019, este encontro contou com cerca de 140 participantes.

PROGRAMA

16h30 | Missa, na Capela da Morte de Jesus

17h45 | Encontro, no Salão do Bom Pastor, no Centro Pastoral de Paulo VI

  •  Saudação
  •  Apresentação do Tema do Ano de 2019-2020
  •  Conferência: Centenário da morte de Santa Jacinta, Ir.ª Ângela Coelho, Vice-Postuladora da Causa de Beatificação da Ir.ª Lúcia
  • Apresentação das Estatísticas referentes ao ano de 2019
  • Conclusão

20h00 | Jantar 

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

A REDE mais recente

Carregue na capa para ver edição em formato .pdf

Receba a Revista REDE gratuitamente todas as semanas no seu email.

Leia também...

Santuário de Fátima

Jornadas Internacionais “As Crianças, a morte e o luto” adiadas para outubro

O Santuário de Fátima decidiu adiar as Jornadas Internacionais “As crianças, a morte e o luto”, previstas inicialmente para o próximo mês de maio, de 7 a 10, na sequência dos recentes desenvolvimentos e evoluções na epidemia por Covid-19, seguindo de forma responsável, as recomendações das autoridades de saúde e, assim, protegendo as vidas de todos.