Janela sobre a Missão: TWAPANDULA!

Janela sobre a Missão: TWAPANDULA!

De 1 a 28 de novembro foi-me dada a graça de conviver de perto com a equipa missionária da vanguarda na missão de S. José do Gungo, na diocese do Sumbe, geminada com a diocese de Leiria-Fátima.

De momento, de Leiria-Fátima, está o Pe. David Nogueira e os missionários leigos Sílvia Antunes, da paróquia do Souto da Carpalhosa e Carlos Santos, das Chãs, paróquia de Regueira de Pontes. Da diocese do Sumbe estão em missão em Leiria-Fátima os padres Rogério Chitapa, nas paróquias de Matas e de Espite e o Pe. Lucas Mendes, na Maceira.

Uma coisa é ver imagens e ouvir falar; outra é tocar, sentir, cheirar, viver de perto a realidade. Centrados em Cristo e inspirados pelo Espírito Santo, os membros da equipa missionária e os seus colaboradores mais próximos alimentam a sua fé nos momentos de oração da manhã, da noite e na eucaristia que é sempre um alegre encontro com Cristo e com os irmãos vindos dos muitos bairros, dispersos pelas montanhas do Gungo. Depois do “mata-bicho” (pequeno almoço), são distribuídas as tarefas e, cada um, segundo os seus talentos, dá o seu contributo, com dedicação e amor. No centro da Donga, por exemplo, faz-se de tudo um pouco: a sementeira do milho e do feijão (agora é o tempo das lavras), a soldadura de peças de motos e do tractor, a moagem do milho, o telhado da casa do gerador, a mecânica e eletricidade, a descasca do milho e da ginguba (amendoim), o cuidado da horta e dos animais (dos porcos, cabritos e galinhas), a construção da nova casa de acolhimento para os catequistas, as consultas aos doentes, a pastoral da criança, a cozinha do “Chefe” avô Filipe; o fabrico de blocos de terra comprimida (BTC), as formações de jovens, catequistas, casais; as explicações das várias matérias da escola, as sessões de cinema…

2018-12-11 janela2

Esta é apenas uma lista das muitas actividades realizadas pelos missionários, por amor a Cristo e aos irmãos, com muita generosidade, alegria, entusiasmo, uma boa dose de humor, muito sacrifício e toneladas de paciência. Basta pensar nas horas de picada para chegar à Donga e não só…pois com a reparação da estrada nacional 100, grande parte do percurso entre Luanda e Benguela faz-se por picada, por causa dos trabalhos em curso.

Na vida também precisamos de lazer. Numa saída da equipa missionária foi-me dada a possibilidade de conhecer de passagem a cidade de Benguela, do Lobito, do Lubango e do Namibe e de passar uma tarde junto de umas belas quedas de água, nas Cachoeiras do Binga, numa tarde de avaliação e ao mesmo tempo de convívio.

Agradeço às dioceses de Leiria-Fátima e do Sumbe e aos seus respectivos pastores D. António Marto e D. Luzízila Kiala e à equipa missionária da missão de S. José do Gungo – Pe. David Nogueira, mana Teresa, avô Filipe, mana Sílvia e mano Carlos e seus colaboradores mais próximos por esta experiência na vanguarda da missão.

Que Deus a todos abençoe e conceda todas as graças e meios necessários para continuarem a servir o povo disperso pelas montanhas do Gungo.

TWAPANDULA!

P. Joaquim Domingos Luís

2018-12-11 janela3

 

GIC - Gab. Informação e Comunicação
GIC - Gab. Informação e Comunicação
Este serviço diocesano é responsável por promover a comunicação entre as diversas instâncias da Igreja diocesana, nomeadamente através da produção e divulgação das suas notícias. Todos os contactos, informações e sugestões devem ser dirigidos para gic@leiria-fatima.pt.
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

A REDE mais recente

Carregue na capa para ver edição em formato .pdf

Receba a Revista REDE gratuitamente todas as semanas no seu email.

Leia também...