Férias em Leiria-Fátima: Um território “abençoado” a descobrir

Férias em Leiria-Fátima: Um território “abençoado” a descobrir

Pensar em férias é imaginar viagens, paisagens diferentes, tempos cheios de rotinas não habituais. Mas nem sempre a possibilidade acompanha o sonho e, por vezes, somos confrontados com a necessidade de recorrer à imaginação para colmatar a impossibilidade de cumprir o desejo.

Na verdade, sobretudo em tempos de crise, muitas são as famílias que não podem dar-se ao luxo de uma semana longe de casa ou de um roteiro turístico à medida das propostas das revistas.

Será que isso significa não “gozar” férias? Não necessariamente. Fizemos o exercício de um breve olhar em redor e, sem sair da diocese de Leiria-Fátima, podemos encontrar facilmente um programa para uma semana (ou várias…).

 

Para muitos visitantes estrangeiros, vir a Portugal e não visitar o Santuário de Fátima é como ir a Roma e não ver o Papa. De facto, este centro internacional de peregrinações é um dos principais destinos do turismo religioso mundial. Também os portugueses – diria quase todos – por cá passam, pelo menos uma vez na vida, nem que seja em mero passeio.

Se falarmos em “férias em Fátima”, a primeira imagem será a de uma semana em retiro, ou numa das muitas propostas de formação intensiva que o Santuário e diversas outras instituições organizam. De facto, são várias centenas de pessoas a fazê-lo, esporádica ou regularmente, e – sim – poderá ser uma experiência de férias diferente e surpreendentemente retemperante para o corpo e para o espírito.

Mas, tal como em Roma, há muito mais em Fátima do que o grandioso recinto que envolve a Capelinha das Aparições e os edifícios anexos. Logo na cidade, há uma panóplia de museus, livrarias e espaços culturais com oferta permanente e diversificada de atividades. Nas redondezas, é ainda possível visitar as casas dos Videntes, a aldeia de Aljustrel, a zona bucólica dos Valinhos – com a famosa Via-Sacra do Calvário Húngaro – e ainda a igreja paroquial de Fátima.

Estendendo o passeio, esperam-nos as magníficas paisagens da Serra de Aire e Candeeiros, algumas das mais belas grutas do mundo, como as de Mira de Aire ou de Alvados, castelos medievais, como Ourém ou Porto de Mós, a aldeia da Pia do Urso e o seu parque eco-sensorial, em São Mamede, e propostas que se estendem aos amantes das caminhadas, do BTT e de desportos radicais como a escalada.

Outro facto é que esta diocese não tem apenas Fátima no nome. Toda a região de Leiria é rica em monumentos, eventos culturais e desportivos, gastronomia e outra oferta turística de primeiro plano. Só o centro histórico da cidade, com o Castelo à cabeça, a Catedral no coração (recentemente elevada a Património Nacional) e as embelezadas margens do Lis aos pés, merecem um dia de estadia. E, claro, o majestoso Mosteiro da Batalha merece outro, daqueles grandes. Como dizia o Poeta, o gótico Mosteiro de Santa Maria da Vitória é “o local onde mais Pátria há”. E isso não dá para descrever… só se percebe vendo ao vivo cada pormenor rendilhado e deixando-o entrar pela alma dentro.

Se, porventura, ainda lhe sobrar tempo e vontade e lhe faltar areia e mar, também há solução. Tal como a diocese de Roma, também a de Leiria-Fátima encosta às praias, todas elas de eleição, como o Pedrógão, a Vieira, São Pedro ou as Paredes da Vitória.

Como dissemos, é apenas um “breve” olhar à região. Procurando atentamente, encontrará com certeza muitos destinos e atividades para dias e dias de passeio, descanso e aventura. Em resumo, a certeza de umas férias “abençoadas”.

As nossas notícias no seu email

Nota: para garantir a segurança e proteção dos seus dados, deve confirmar a sua inscrição. As instruções estão num email que irá receber. Depois de confirmar, começará a receber emails a partir de info@leiria-faima.pt com periodicidade irregular. A qualquer momento pode cancelar subscrição.
GIC
GIC
Gabinete de Informação e Comunicação. Todos os contactos, informações e sugestões devem ser dirigidos para gic@leiria-fatima.pt.
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

A REDE mais recente

Carregue na capa para ver edição em formato .pdf

Receba a Revista REDE gratuitamente todas as semanas no seu email.

Leia também...

Semana Santa na Batalha e Reguengo do Fetal

O pároco informa que irá fazer a transmissão das celebrações através da página do Facebook da paróquia da Batalha, pelo que todos os paroquianos podem acompanhar naquela rede social.