Escuteiros testam e promovem acessibilidades

Escuteiros testam e promovem acessibilidades

No passado dia 17 de novembro, 14 pioneiros (escuteiros dos 14 aos 17 anos) da região de Leiria-Fátima, integrados num grupo de cerca de 30 voluntários, tiveram a oportunidade de sentirem a cidade de um outro modo.

“Sentir (IN) Acessibilidades” foi o nome dado à atividade, promovida pela Câmara Municipal de Leiria, cujo objetivo foi o de sensibilizar para as dificuldades com as quais aqueles que têm mobilidade reduzida ou outra deficiência enfrentam e identificar possíveis obstáculos que surjam na cidade.

Viveram, nas palavras de Catarina Carvalho, guia de comunidade dos pioneiros, “uma experiência muito enriquecedora, que permitiu perceber que até mesmo atravessar uma passadeira ou ir a um multibanco pode ser muito difícil para alguns”. Fica a esperança de que a iniciativa sirva para “alertar as pessoas para que possam ser feitas mudanças de forma a ajudar que apresente mobilidade reduzida”.

Também neste sentido de criar melhores condições para pessoas com mobilidade reduzida, a Quinta do Escuteiro, campo escutista da região de Leiria-Fátima, prevê ter concluído até ao final do ano um módulo de sanitários para utilizadores de mobilidade reduzida, proporcionando assim uma melhor estadia para todos os utilizadores deste que é um dos doze campos escutistas de excelência existentes em Portugal.

Luís Tavares (C.)

GIC
GIC
Gabinete de Informação e Comunicação. Todos os contactos, informações e sugestões devem ser dirigidos para gic@leiria-fatima.pt.
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print

A REDE mais recente

Carregue na capa para ver edição em formato .pdf

Receba a Revista REDE gratuitamente todas as semanas no seu email.

Leia também...

Promessas no agrupamento de Minde

As emoções e as alegrias, bem visíveis, neste feliz e tão simbólico cerimonial, no qual as palavras são tão sugestivas e significantes…. se transformem em atitudes concretas e constituam um modo de viver!